DEPOIMENTOS

"Dentro da proposta da Caxiense Fagundes, em atender seus clientes com prontidão e qualidade, sempre com o máximo de segurança e responsabilidade, é indispensável que seus controles internos sejam de total confi... Ler mais

Diretor Financeiro Carlos Catuzzo Gazzola / Brita e Concreto Caxiense Fagundes

Empresas ampliam investimento em TI

Domingo, 18 de Maio de 2008

As empresas brasileiras devem investir R$ 15,2 bilhões em serviços de outsourcing de TI neste ano, cifra que representa 32% dos investimentos em tecnologia da informação, que devem alcançar a casa dos R$ 46,2 bilhões, segundo estudo divulgado nesta sexta-feira (16/5) pela E-Consulting, consultoria especializada no desenvolvimento e implementação de estratégias e serviços para grandes corporações. No ano passado, foram gastos R$ 12,3 bilhões com a terceirização de TI no país.

O estudo revela que enquanto a terceirização de infra-estrutura já atingiu níveis avançados, visto que é o setor mais maduro do mercado de outsourcing, outras duas frentes têm sido responsáveis pelo crescimento desse mercado: o outsourcing de desenvolvimento, que está no meio do caminho, e a implantação de BPOs (Business Process Outsourcings), que ainda é incipiente e deve crescer.

“A percepção das empresas de transferir o back-office para parceiros e se concentrarem em seu core business para garantirem vantagens competitivas ainda é o grande impulsionador do desenvolvimento deste mercado. Mas desenvolvimento, gestão e até mesmo processos ganham força e espaço”, comenta Daniel Domeneghetti, sócio-fundador da E-Consulting , empresa do grupo ECC, e coordenador do TechLab, unidade focada em estudos e pesquisas em TI, telecom, mídia, internet e call center, responsável pelo estudo
.

Fonte: TI Inside